Kard, Adaga

Nº de referência da peça: 
F740

Requintada adaga em ouro, diamantes, esmeraldas e rubis, de um só gume com lâmina em aço damasquino. O punho apresenta um extraordinário trabalho de incrustação de gemas, com 222 rubis, 36 esmeraldas e 22 diamantes em ouro de 24k, formando na zona central uma flor de sete pétalas. As zonas laterais do encaixe exibem delicados frisos a ouro cinzelado com requintados motivos vegetalistas – flores e folhas.

A lâmina apresenta no bordo rombo, junto ao punho, a inscrição: Sarker Mir Mubarak Khan Talpur, e perto da ponta, uma pequena reentrância rectangular, decorada com gravados a ouro, para aumentar a sua eficácia. Este tipo de adagas, de linhas rectas, com lâmina de um só gume e punho sem guarda, são vulgarmente designadas por Kard e utilizadas como arma ofensiva, apresentando sempre a ponta reforçada. No formato e decoração deste exemplar são visíveis as influências e características persas que pautaram muita da arte típica do Império Mogol. As suas origens remontam à Pérsia, com a qual mantiveram intensas relações diplomáticas e comerciais. Humayun, em finais do século XVI, chegou mesmo a refugiar- se no Irão após ter sido derrotado por Sher Shah Suri.

Esta adaga poderá ter sido levada para o subcontinente indiano durante este período, ou ser fruto das produções mogóis mais recuadas onde o gosto e cultura pela estética persa eram comuns. Estas armas de aparato, requintadamente decoradas, com incrustações de pedras preciosas tinham um importante papel no cerimonial da corte imperial. Por norma eram oferecidas pelo imperador aos nobres e dignitários da corte como símbolo de reconhecimento, aquando das vitórias em campanhas militares. A inscrição existente na lâmina refere-se a um dos soberanos Talpur, que governaram o território de Sind, atual Paquistão, de meados do século XVIII até meados do século XIX, e terá sido acrescentada posteriormente, no 3º quartel do século XVIII.

Peça sublime de ourivesaria, pelo seu aparato e requinte estético, terá sido adquirida por Mir Mubarak Khan para a sua coleção. A inscrição remete também para a antiga tradição de inscrever objetos mais antigos com o próprio nome e título, originária do Irão, com quem os Talpur estabeleceram intensas relações diplomáticas, comerciais e artísticas.

Ouro, diamantes, esmeraldas e rubis

Índia Mogol (?)/Irão (?)

Séc. XVI / XVII

Dim. 36 cm

Marca de posse: Sarker Mir Mubarak Khan Talpur

Gold, diamonds, emeralds and rubis

Mughal India (?)/Iran (?)

16th/17th c.

Dim. 36,0 cm

Ownership mark for Sarkar Mir Mubarak, Talpur Prince

— PAUL, E., Jaiwant, Arms and Armour. Traditional Weapons of India, Lustre Press, Roli Books, 2006.

— Rituais de Poder. Armas Orientais. Coleção de Jorge Caravana, Caleidoscópio, Edição e Artes Gráficas, Portugal, 2010.

— Splendeur des Armes Orientales, ACTE – EXPO, Paris, 1988.

  • Arte Colonial e Oriental
  • Artes Decorativas
  • Adagas e Polvorinhos
Peças Vendidas

Formulário de contacto - Peças