Quatro Cadeiras D. José

A309 -A310  Belíssimas cadeiras D. José em pau-santo, com espaldares do tipo violoné, moldurado, de lados reentrantes e cantos arredondados, com cachaço entalhado. Tabela central, recortada,vazada e estofada. Assento trapezoidal, com frente e ilhargas onduladas e recortadas; pernas dianteiras curvas, terminando em pés de enrolamento e traseiras recuadas.

Espaldar decorado com moldurado de profundidade gradualmente acentuado à medida que se aproxima do assento. Cachaços e saiais frontais decorados com motivos rocaille finamente entalhados, com volutas e enrolamentos vegetalistas estilizados. Cintura e pernas percorridas por friso moldurado terminado em enrolamentos nos pés dianteiros.

Joelhos entalhados, com galbo pronunciado, salientando-se logo após a linha da cintura, afilando e terminando no pé. Pés rematados com motivo rocaille. Pernas ligadas por travessas em forma de “H” estilizado e recortado e pernas anteriores por travejamento. Destacamos a qualidade da talha executada com mestria, resultando em composições de qualidade plástica vibrante e plenas de movimento, assim como a forma das cadeiras, de excepcional equilíbrio e desenho. 

Constituem, sem dúvida, uma belíssima síntese da essência do estilo D. José, tanto no lançamento sinuoso das linhas mestras que transformam a matéria rígida do pau-santo, em algo de grande leveza e suavidade, bem como no carácter vivo e plástico da talha.

Pau-santo Portugal, séc. XVIII

Dim.: 118,0 × 53,0 × 45,0 cm

Rosewood Portugal, 18th c.

Dim.: 118,0 cm × 53,0 cm × 45,0 cm

  • Arte Portuguesa e Europeia
  • Mobiliário

Formulário de contacto - Peças