Par de Cómodas D. José

Nº de referência da peça: 
A385

Excepcional par de cómodas da época D. José I, em pau-santo maciço ricamente entalhado, com fundos em vinhático e ferragens em bronze ao gosto rocaille. O tampo é liso e emoldurado, acompanhando frente e ilhargas onduladas com quebras em curva e contracurva. Corpo com duas gavetas e três gavetões, que possuem frentes lisas e moldura dupla, com exuberantes ferragens em bronze. Estão ladeadas por pilastras salientes em consola, ricamente decoradas com fino trabalho de talha, percorridas por volutas de motivos assimétricos, finamente ornados de elementos estilizados, concertados em forma de “C” e “S”. As Ilhargas têm almofada central, com entalhes de ornatos nos cantos e moldura dupla. Os pés de moldura em cimácio, largos, entalhados e recortados, estão decorados em simetria, com motivos rocaillescos.

Este par de cómodas constitui um importante exemplo da mestria da marcenaria portuguesa, com elevado requinte e qualidade, obrigando‑nos a considerá-las como peças de excepção, dentro dos melhores exemplares da época. Acresce ainda a particularidade de ser um par, não conhecendo outro com esta qualidade.

Pau-santo, vinhático e bronze, Portugal, séc. XVIII, Dim.: 97,0 × 140,0 × 60,0 cm

Rosewood, Brazilian mahogany and bronze, Portugal, 18th c., Dim.: 97,0 × 140,0 × 60,0 cm

  • Arte Portuguesa e Europeia
  • Mobiliário

Formulário de contacto - Peças