Coleções

Importante caixa escritório indo-portuguesa,
entalhada em baixo-relevo com tampa de rebater e gavetão, lacada e negro e dourada. A tampa é articulada por gonzos em ferro, e ferrolho do mesmo metal com decoração incisa, fechando sobre espelho em forma de escudete liso com vestígios de ouro; cinco tachões radiados cobrem as pontas dos grampos, tanto do ferrolho como da dobradiça.

Rara caixa de escrita em marfim, de formato paralelepipédico e tampa troncocónica, com decoração rebaixada e policromada, enriquecida com aplicações em prata, produzida no Decão, no centro da Índia e datável do século XVII.

Portuguesas
D.Maria, início do séc. XIX
Faixiadas a pau-santo e espinheiro
Aro com 1 gaveta e ferragens em metal amarelo
Interior do tampo forrado a tecido verde
Dim. 78,0 x 91,0 x 43,5 cm

Portuguese
D.Maria, early 19th century
Rosewood and thornbush veneered
One drawer to apron and yellow metal hardware
Green fabric lined inner top
Dim.: 78,0 x 91,0 x 43,5 cm

Excepcional cofre das oficinas de Guzarate, em tartaruga guarnecida a prata, datável da 2ª metade do século XVI.

“Céfalo e Prócris”

"Cephalus and Procris"

Painel de Azulejos
Portugal, séc. XVII (1.ª metade)
(36 azulejos)
Vários painéis disponíveis
Dim.: 87,0 x 87,0 cm por painel

Tile panel
Portugal, 17th century (1st half)
(36 tiles)
Various panels available
Dim.: 87,0 x 87,0 per panel

Adaga do tipo "Pesh-Kabs" com lâmina em aço damasquino, de gume simples. O punho não apresenta guardas e é totalmente revestido por finas placas de madrepérola fixas por pequenos pinos.
O formato da lâmina, em "T", é a principal característica desta tipologia. Larga junto à base do punho, adelgaça e termina em fina ponta. Este curioso formato foi concebido essencialmente para perfurar cotas de malha.
A "Pesh-Kabs" é um tipo de adaga originária da Pérsia, actual Irão, onde é denominada por "Karud", e muito apreciada no seio da corte Mogol.

Belo trabalho escultórico cíngalo-português em marfim.

Nossa Senhora com coroa aberta, de pontas serradas e aro com friso, cabelos formando madeixa em ogiva nas costas, em ondulado muito fino; face oval, olhos amendoados e de boca sorridente. O corpo é achatado, veste túnica com pregas finas e gola rendilhada, com manto de orlas caindo em sinusóides; o panejamento de Nossa Senhora conflui num enlace tendo como centro Jesus Menino, que segura na mão esquerda, na direita uma flor de ashoka que oferece ao Menino.

"Sem Título", 2015
Grés negro
Alt.: 54,0 cm

"Untitled", 2015
Stoneware
Height: 54,0 cm

"Sombra Projectada de Sabine Moniry"

Paris 1964

Páginas