Coleções

Par de grandes potes bojudos do período Kangxi, em porcelana branca decorada com esmaltes Imari sob o vidrado e com garnitures em bronze dourado. No bojo uma paisagem tipicamente chinesa com montanhas, casario, rochedos, arvoredo e rio.

À beira-rio crianças brincam e Kuanines conversam serenamente, sob o olhar dos pescadores que navegam no rio. No ombro, uma banda de painéis em forma de cabeça de ceptro de ruyi, com fundo azulado alternam com reservas rouge-de-fer com motivos vegetalistas.

Vinhático
Dim. total 72,0 x 288,0 x 117,0 cm

Mesa composta de 2 meias luas e corpo central de duas abas, com pernas caneladas terminando em soco liso

Brazilian mahogany
Total dim.: 72,0 x 288,0 x 117,0 cm

A table formed by two demi-lunes and a central two-flap table, of fluted legs ending in plain block feet

C536Porcelana vidrada Par de potes com tampa, em forma de balaústre e de grandes dimensões, com colo curto rematado por rebordo arredondado, em porcelana branca com decoração azul-cobalto e revestido de vidrado levemente azulado, do período Kangshi.

C553 “Família Verde” Prato de grandes dimensões, do período Kangshi, em porcelana branca decorados com esmaltes da “Família Verde” sob vidrado. Fundo delimitado por dois círculos concêntricos e decorado com cena de jardim com balaustrada, onde duas guanines em traje de aparato conversam e cheiram uma flor, perto de uma mesa com vasos floridos. Completam o quadro, flores e ameixeira florida.

Salva redonda em prata portuguesa, ornamentada por catorze gomos sulcados e dispostos em torno do centro. Medalhão central liso relevado, emoldurado por perfil convexo e com marca de posse SVRº gravada no centro.

Porcelana chinesa de exportação "Companhia das Índias" decorada com belos esmaltes “Família Rosa” sobre o vidrado. No fundo, delimitado por um círculo, dois rochedos com composição vegetalista onde sobressaem três grandes peónias e dois galos simulando uma luta. Na aba moldura rosa recortada e preenchida com motivos florais repetitivos, alternando com reservas de fundo azul com nuvens brancas.

Invulgar banca ou mesa de escrita indo‑portuguesa do século XVII em teca e sissó, com embutidos e guarnições em marfim e ébano. A decoração invade todo o móvel, tirando partido do efeito contrastante das madeiras utilizadas: embutidos escuros de ébano sobre o fundo claro da teca, pontuados por pequenas cavilhas de marfim, que matizam as superfícies de pontos brancos.

Importante bule Josefino “Bico de ave” em prata portuguesa, do período D. José e do mestre prateiro João Coelho Sampaio. Corpo liso em forma de pêra invertida, com decoração rocaille no bojo, gravada, repuxada e cinzelada em folhagens, flores – malmequeres e crisântemos - concheados, aletas e volutas, que se prolongam pela tampa.

C427 Raríssima garrafa – aquamanil – em faiança portuguesa da primeira metade do séc.
XVII, coberta de esmalte branco e pintada a azul‑cobalto.
Peça, moldada e modelada, com cabeça de burro,corpo feminino e cauda de peixe. A parte
humana revela pescoço alto, ombros largos,tronco em barril e peitos fartos. Da base
emerge uma longa cauda enrolada que termina junto à cabeça, desenhando a pega.
Está profusamente decorada com elementos vegetalistas, enrolamentos, composição de flores e “rede”, simulando a vestimenta estilizada da figura.

Páginas